quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Concerto em homenagem ao Dia da Música 22/11

Data: 22 de Novembro de 2008 – Sábado
Horário: 16 h 30
Local: Teatro Goiânia
End.: Av. Tocantins, esq. com Av. Anhanguera, Centro
Entrada Franca

PROGRAMA

FRANZ JOSEPH HAYDN (1732-1809)
Sinfonia nº. 45 em Fá Sustenido Menor, “A Despedida”

WOLFGANG AMADEUS MOZART (1756-1792)
Concerto nº. 20 em Ré Menor para Piano e Orquestra


ANA ELISA SANTOS – Piano
ELISEU FERREIRA – Regente

Release
A Orquestra de Câmara Goyazes apresenta no dia 22 de Novembro de 2008, às 16h 30, no Teatro Goiânia, um Concerto em Homenagem ao “Dia da Música”. Sob a direção do maestro Eliseu Ferreira, o concerto contará com a participação da pianista goiana Ana Elisa Santos, uma das maiores revelações do piano em Goiás nos últimos anos. A realização é da Agência Goiana de Cultura – AGEPEL. A Entrada é franca.

No programa estão duas obras importantes do repertório orquestral do século XVIII. Na primeira parte do programa a orquestra executará a Sinfonia nº. 45, em Fá Sustenido Menor, do compositor austríaco Franz Joseph Haydn, denominada “A Despedida”.

A obra possui esse nome devido às circunstâncias de sua composição e estréia. No último movimento, um adágio, os músicos vão saindo um a um, até restarem apenas dois executantes no palco.

Com esse formato inusitado, Haydn queria chamar a atenção de seu patrão, o Príncipe de Eszterháza, para a necessidade de permitir que os músicos retornassem para perto de suas famílias, após uma temporada que parecia não acabar mais. O fato é que no dia posterior à execução da Sinfonia, o Príncipe retornou com toda a sua corte para Viena, para alegria dos músicos e seus familiares.

Na segunda parte do concerto a orquestra acompanhará a solista Ana Elisa Santos na execução do Concerto nº. 20, em Ré Menor, do compositor também austríaco Wolfgang Amadeus Mozart. Trata-se de um dos concertos mais célebres do repertório para piano e orquestra.


A SOLISTA
Mestre em Música pela Universidade da Geórgia, Estados Unidos, Ana Elisa Santos iniciou seus estudos musicais aos oito anos de idade em Goiânia, com as professoras Denise Zorzetti, Ivana Carneiro e Vanda Godfeld. Participou de concursos nacionais de piano em várias localidades, como o XII e XX Concurso Nacional “Cidade de Araçatuba”, sendo premiada por diversas vezes nos Estados de Goiás, Minas Gerais e São Paulo. Em 2004 finalizou o Curso de Bacharelado em Música na Universidade Federal de Goiás, sob a orientação de Luiz Medalha Filho e Ana Flávia Frazão, obtendo nota máxima nas disciplinas Piano/Música de Câmara.Participou de diversas masterclasses com renomados instrumentistas no Brasil e nos Estados Unidos, como Michel Uhde, Fany Solter, Richard Zindars, Luiz Senise e Celina Szrvinsky. Realizou intensa atividade como solista e camerista, apresentando-se frequentemente em recitais e festivais de música em Brasília, São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Tatuí. Esteve presente no I Encontro Internacional de Pianistas no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí, no XXVI Curso Internacional de Verão da Escola de Música de Brasília, dentre outros. Após dedicar-se a uma temporada de estudos em Minas Gerais, transferiu-se para os Estados Unidos em 2005, onde realizou o curso de Mestrado em Performance Musical na Universidade da Geórgia, sob a orientação do pianista russo Evgeny Rivkin, com notas máximas em todas as disciplinas práticas. Sobre Ana Elisa, Evgeny descreveu: “uma das minhas melhores alunas..., rapidez e incomum capacidade de aprendizado, extrema seriedade e dedicação”. Durante dois anos foi professora de piano na Chick Music (EUA). Idealizadora do projeto “Série Concertos Internacionais para Goiânia”, Ana Elisa tem proporcionado desde 2007 a vinda de grandes nomes da música de concerto para se apresentarem na capital.


O MAESTRO
ELISEU FERREIRA, natural de Anápolis, é Licenciado em Educação Artística, Bacharel em Clarineta e Mestre em Performance Musical pela Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás. Estudou clarineta na Escola de Música de Brasília e também na Universidade de Brasília na classe do prof. Luiz Gonzaga Carneiro. Estudou regência com o Maestro Emílio de César por vários anos. Participou de festivais, cursos de aperfeiçoamento, e master-classes no Brasil e no exterior, tendo aulas com renomados professores, dentre eles, Dante Anzolini, Roberto Duarte, Aylton Escobar, Kirk Trevor, Tsung Yeh, Neil Thomson e Kurt Masur. Participou de cursos de Regência em Zlin e Kromeriz, na República Tcheca e no Royal College of Music em Londres, Inglaterra. Além de clarinetista, foi também Regente Assistente da Orquestra Filarmônica de Goiás. Foi o Regente Titular da Orquestra Jovem de Goiás, da Orquestra Planalto Central, Orquestra de Câmara de Goiânia, Camerata Vocal de Goiânia e da Banda Sinfônica do CEFET-GO. Trabalhou como Assistente do Maestro Emílio de César no Festival Eleazar de Carvalho em Fortaleza-CE por vários anos. Foi Regente Titular e Diretor Artístico da Orquestra de Câmara Goyazes de 1999 a 2003, grupo que passa a dirigir novamente em 2008. Realizou estréias de obras de compositores como Estércio Márquez, Fernando Cupertino e Kjel Mork Karlsen. Foi Regente Adjunto da Orquestra Sinfônica de Goiânia de 2003 a 2005. Desde 2002 é o Regente Titular da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás, com a qual tem realizado um intenso trabalho didático, realizando séries de concertos em todo o Estado de Goiás. O trabalho realizado frente a esse grupo foi fator decisivo na elaboração e aprovação do Programa Bolsa Orquestra, que é um incentivo do Governo do Estado voltado para a formação de novos talentos, lançado em 2005 na Cidade de Goiás. Tem também colaborado com a Orquestra Sinfônica de Goiânia na direção de alguns concertos realizados na capital.



ORQUESTRA DE CÂMARA GOYAZES

Fundada em agosto de 1999 com músicos oriundos da antiga Orquestra Filarmônica de Goiás, foi criada com o objetivo de ser instrumento de difusão de obras musicais escritas especificamente para orquestra de câmara. Tem realizado uma grande quantidade de concertos em temporadas no Teatro Goiânia, além de numerosos concertos no interior do Estado. Considerada uma das melhores orquestras de câmara do Brasil, apresentou-se em diversos festivais como no Festival Vale do Café (RJ), no Festival Internacional de Juiz de Fora (MG), no Festival Canto da Primavera e no Festival Internacional de Cinema Ambiental (FICA). Solistas de renome nacional e internacional se apresentaram frente à orquestra, tais como o oboísta Alex Klein (Sinfônica de Chicago), os violinistas Emanuele Baldini (OSESP) e Daniel Guedes, o violonista Turíbio Santos e o contrabaixista Milton Masciadri. Esteve sob a direção do violinista Alessandro Borgomanero de 2003 a 2007. O maestro Eliseu Ferreira é novamente o regente titular, cargo que já exerceu de 1999 a 2003.

Um comentário:

Rafael disse...

Parabéns pelas apresentações!
Gostaria de deixar uma sugestão de haver uma nova apresentação com o violeiro Roberto Correa para o próximo ano.
Ótimo 2009 para vocês.